Tags

, , , , , , , , ,

eco

Morre Umberto Eco

O escritor e filósofo italiano faleceu aos 84 anos, segundo informa o jornal ‘La Repubblica’

Aos 84 anos, sem nunca perder a curiosidade crítica, morreu nesta sexta-feira em Milão o escritor, filósofo e semiólogo italiano Umberto Eco. A notícia foi comunicada ao jornal italiano La Repubbllica pela família. O autor de obras essenciais, tais como O Nome da Rosa, de 1980, ou Pêndulo de Foucault, de 1988, nasceu em Alessandria, norte da Itália, em 5 de janeiro de 1932. A última das obras de sua prolífica carreira como autor de romances de sucesso e ensaios de semiótica, estética medieval ou filosofia, foi Número Zero, um olhar crítico do grande conhecedor da comunicação sobre a crise do jornalismo, que, alertou, começou “nos anos cinquenta e sessenta, quando a televisão chegou.”

“Até então”, disse ele em uma entrevista para o jornalista Juan Cruz publicada pelo EL PAÍS, “o jornal contava às pessoas o que havia acontecido na tarde anterior, por isso muitos se chamavam jornais vespertinos: Corriere della Sera, Le Soir, La Tarde, Evening Standard … Desde a invenção da televisão, o jornal da manhã diz o que as pessoas já sabem. E agora é a mesma coisa. O que deve fazer um jornal? “. Essa era a dúvida –a curiosidade vestida de pessimismo– que o levou a publicar seu último livro e a manter os olhos abertos para tudo o que acontecia ao seu redor.

Leia mais:
http://brasil.elpais.com/brasil/2016/02/20/cultura/1455927385_225826.html