Tags

, , , , , , , ,

Garoto é expulso de escola americana por causa de seu DNA

A família do menino, que tem marcadores genéticos para fibrose cística, entrou na Justiça

Bastaram algumas semanas frequentando o sexto ano do ensino fundamental em uma escola de Palo Alto, na Califórnia (EUA), para que Colman Chadam, de 11 anos, fosse expulso. E o menino não precisou fazer nada para que isso acontecesse. O castigo veio por conta de seu DNA. Isso mesmo, você não leu errado: o estudante foi obrigado a deixar o colégio porque possui marcadores genéticos para uma doença chamada fibrose cística, e crianças com esse mal não podem ficar perto de outras que tenham a mesma doença porque isso as torna vulneráveis a infecções contagiosas. O grande entrave para o permanecimento do menino na escola, segundo alegou a instituição, é que outros dois irmãos com fibrose cística já estudavam ali.

O caso aconteceu em 2012, conforme noticiou esta segunda-feira o portal “Wired”. Logo depois do problema, a família de Chadam se mudou de Palo Alto e, até hoje, busca uma indenização na Justiça. No processo movido pelos pais do menino contra o colégio, eles alegam discriminação genética. De acordo com a ação, ao expulsar o garoto por causa de seu status genético, a instituição violou o Ato dos Americanos com Deficiências. E um dos aspectos curiosos é que Chadam nem chegou a manifestar a doença — ele tem marcadores que indicam fibrose cística em seu DNA, mas não desenvolveu o mal até o momento.

Quando o menino nasceu, em 2000, análises de DNA em recém-nascidos ainda eram raras. Porém, ele tinha um problema cardíaco congênito que o levou a fazer testes adicionais, o que acabou por revelar aos médicos que ele carregava alguns marcadores genéticos associados com fibrose cística. E, mesmo que esses marcadores não sejam garantia de uma doença — tanto é que o rapaz nunca desenvolveu o problema —, seus pais acrescentaram essa informação ao formulário médico de inscrição na escola.

Leia mais:
http://oglobo.globo.com/sociedade/ciencia/garoto-expulso-de-escola-americana-por-causa-de-seu-dna-18585477
Fibrose Cística – O que é?

A mucoviscidose, mais conhecida como fibrose cística ou apenas FC, é uma doença genética, grave, sem cura, que afeta as glândulas exócrinas, provocando alterações nos pulmões, pâncreas, fígado e intestino.

Leia mais:
http://www.acam.org.br/fibrose-cistica