Tags

, , , , , , , ,

Vírus zika consegue ultrapassar a placenta na gestação, confirma análise

Uma pesquisa inédita feita pelo Instituto Carlos Chagas, da Fiocruz Paraná, confirmou que o vírus zika, hoje apontado como a principal hipótese para o aumento de casos no país de bebês com microcefalia, é capaz de atravessar a placenta durante a gestação.

A análise foi feita a partir de amostras de uma paciente do Nordeste que sofreu um aborto retido –quando o feto deixa de se desenvolver dentro do útero– durante o primeiro trimestre de gravidez.

A suspeita surgiu após a gestante informar ter tido sintomas de zika, como manchas vermelhas no corpo, na sexta semana de gravidez. Já o aborto foi detectado em exame na oitava semana.

Leia mais:
http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2016/01/1731325-virus-da-zika-consegue-ultrapassar-a-placenta-na-gestacao-confirma-analise.shtml