Tags

, , , , , , ,

MEC admite atraso em repasse para programa de educação integral

O secretário de Educação Básica do MEC (Ministério da Educação), Manoel Palácios, negou-se a fazer comentários sobre a irregularidade de repasses e os números da pesquisa da Fundação Joaquim Nabuco sobre o programa Mais Educação.

Segundo o levantamento da instituição, das 1.638 escolas pesquisadas, 43% tiveram que adiar o início das atividades. Entre elas, 26,5% dos gestores afirmam que o motivo foi o atraso na chegada dos recursos.

“Não tive contato com os dados da pesquisa, ainda não há um relatório final”, afirmou Palácios.

O secretário confirmou, no entanto, que em 2015 parte das unidades ficou sem receber a segunda parcela da verba do Mais Educação. Palácios reconheceu que o atraso no pagamento prejudica a execução das atividades do programa, mas diz que o problema de 2015 foi posterior à coleta de dados feita pela pesquisa.

Leia mais:
http://educacao.uol.com.br/noticias/2016/01/12/mec-admite-atraso-em-repasse-para-programa-de-educacao-integral.htm