Tags

, , , , , , , , ,

COP 21: Acordo marca “virada”, mas ONGs conclamam a não baixar vigilância

Pacto relega as energias fósseis ao ‘lado mau da História’, assinala o Greenpeace
Países assinam em Paris histórico acordo contra a mudança climática

A maioria das organizações não governamentais dá as boas-vindas ao acordo obtido finalmente neste sábado em Paris, que significa uma “virada” e envia um “forte sinal” de que a transição energética está em andamento. Em particular, as ONGs aplaudem a incorporação de um objetivo de longo prazo de limitar para muito abaixo dos 2º C o aquecimento global, embora lamente a falta de meios suficientes para alcançar essa meta e os prazos muito longos dados para revisar os objetivos nacionais. Nas ruas de Paris, milhares de manifestantes conclamaram, antes mesmo de ser aprovado o acordo, a não baixar a vigilância e a estabelecer metas mais ambiciosas.

“A roda da ação gira lentamente, mas em Paris, girou. O texto coloca claramente as indústrias fósseis do lado mau da História”, declarou o diretor do Greenpeace International, Kumi Naidoo, ao conhecer o projeto finalmente aprovado. Apesar disso, considerou que o acordo está muito longe de ser satisfatório para quem se encontra na primeira linha dos impactos do aquecimento global e assinalou que a luta se concentra agora em pressionar governos e empresas a cumprir o pacto e revisar para cima as ambições.

Leia mais:
http://brasil.elpais.com/brasil/2015/12/12/internacional/1449928459_619702.html