Tags

, , , , , ,

Com a extinção da Fundap, morre parte da inteligência técnica paulista

por Marco Aurélio Nogueira

Trabalhei na Fundação do Desenvolvimento Administrativo-Fundap durante toda a década de 1990. Aprendi muita coisa com esta instituição admirável, verdadeiro celeiro de profissionais dedicados à gestão pública e à valorização do Estado e de suas políticas. Só tenho a agradecer a oportunidade que tive de poder conviver com aquele que foi um grande centro de excelência em administração pública.

Digo “foi” porque a Fundap acaba de ser extinta por um projeto de lei do governador de São Paulo aprovado esta semana na Assembleia Legislativa do Estado. Ainda que a iniciativa estivesse em cogitação há tempo, foi um choque, para mim e para tantos outros, vê-la traduzida em decisão. Penso que se cometeu um erro, do qual o estado de São Paulo ainda se ressentirá. Em nome de uma discutível economia orçamentária, matou-se parte importante da inteligência especializada que tanta falta faz hoje em São Paulo e no País.

Leia mais:
http://politica.estadao.com.br/blogs/marco-aurelio-nogueira/com-a-extincao-da-fundap-morre-parte-da-inteligencia-tecnica-paulista/