Tags

, , , , , , , ,

Rivotril, a droga da paz química

Em 2007, foram vendidas no Brasil 29 mil caixas de clonazepam, princípio ativo de medicamentos como o Rivotril. Hoje são mais de 23 milhões

Segundo a Anvisa, o consumo brasileiro do princípio ativo do Rivotril, o clonazepam, em 2007 era de 29 mil caixas por ano. Em 2015, este número atingiu os 23 milhões, de acordo com a IMS Health. O crescimento significativo em pouco tempo desperta as suspeitas de uso excessivo e desnecessário por parte de especialistas.

Com a promessa de aliviar as pressões e as ansiedades cotidianas, psiquiatras e médicos em geral receitam o remédio tarja preta, ou seja, que pode causar dependência física e psíquica, mesmo que o paciente não apresente um caso clínico de ansiedade.

Agravando a situação, o medicamento tem um valor relativamente baixo. A reportagem de CartaCapital chegou a encontrar caixas a R$ 4. As mais caras são vendidas por cerca de R$ 20.

Leia mais:
http://www.cartacapital.com.br/saude/rivotril-a-droga-da-paz-quimica-3659.html

Anúncios