Tags

, , , , , ,

USP quer ter metade dos calouros de escola pública até 2018

A proporção de calouros da rede pública nos cursos de baixa concorrência da Universidade de São Paulo (USP) é quase o dobro da registrada nas carreiras mais procuradas, como Medicina e Direito. Nas 56 graduações com menos de cinco candidatos por vaga no último vestibular, a taxa de alunos da escola pública é de 45,8%. Já no grupo de 20 cursos de maior disputa, cai para 25,7%. A média geral da USP é de 35,1%.

Os números por carreira estão tabulados em documento da Pró-Reitoria de Graduação, obtido pelo jornal O Estado de S. Paulo. A USP nunca usou cotas, mas bônus no seu vestibular, a Fuvest, para candidatos da rede pública e pretos, pardos e indígenas (PPI).

Leia mais:
http://www.brasilpost.com.br/2015/06/04/cursos-top-da-usp-como-me_n_7509710.html?ncid=fcbklnkbrhpmg00000004

Anúncios