Tags

, , , , , , ,

girl

Contra a imposição do rosa para garotas, pai deixa filha de 3 anos escolher as próprias roupas

Menina opta por peças com Homem-Aranha e Darth Vader em detrimento de peças tradicionalmente atribuídas às garotas

RIO – Basta entrar no setor infantil de uma loja de roupas que uma antiga lógica mercadológica salta aos olhos: rosa é para meninas e azul, para os garotos. Cansado dessa máxima, o dono de casa e pai de uma garotinha de 3 anos Simon Ragoonanan criou o blog “Man vs pink” (“Homem contra o rosa”), para questionar essa segmentação através de textos e imagens. Para provar que isso é uma mera imposição mercadológica, o britânico deixa a filha escolher suas próprias roupas e, em seguida, compartilha várias fotos nas redes sociais.

Para fazer jus aos argumentos do pai, boa parte das peças escolhidas pela menina, cujo nome Ragoonanan prefere preservar, são em tons de azul e vermelho e trazem estampados personagens como Homem-Aranha e Darth Vader no lugar das tradicionais princesas. O desafio, entretanto, é encontrar peças com estes personagens para meninas. Segundo ele, não existem itens com essas características para garotas.

Leia mais:
http://oglobo.globo.com/sociedade/contra-imposicao-do-rosa-para-garotas-pai-deixa-filha-de-3-anos-escolher-as-proprias-roupas-15411612#ixzz3SimjPUSu