Tags

, ,

Educação, a chave para a queda da desigualdade entre regiões

Especialistas advertem que a qualidade do ensino brasileiro ainda é questionável

O dia a dia de uma professora modelo num sistema nada exemplar
Confira o Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil

O avanço na educação no Brasil foi um dos fatores que mais contribuiu para a redução da diferença entre o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) das 16 regiões metropolitanas do país entre 2000 e 2010. A diferença entre São Paulo e Manaus, respectivamente o maior e o menor IDHM, diminuiu de 22,1% para 10,3% em uma década, puxado principalmente pelo desempenho da educação, segundo o Atlas do Desenvolvimento Humano publicado nesta semana.

Em 2000, a diferença entre os números do IDHM das regiões metropolitanas, com melhores e piores desempenhos para educação, era 43%, e, em 2010, o índice caiu para 15,9%. Ainda segundo o relatório, que avalia o tripé de quesitos: educação, renda e longevidade, houve melhora no IDHM em todas as regiões metropolitanas avaliadas nos últimos dez anos.

http://brasil.elpais.com/brasil/2014/11/26/politica/1417039334_191671.html