O Plano Nacional de Educação está perto de ser votado mesmo com retrocessos

Projeto,que prevê dobrar os recursos para o ensino, deve ser votado no próximo dia 7
Foco em distribuição de verbas para programas que beneficiam universidades privadas é uma das preocupações das ONGs ligadas ao setor

O Plano Nacional de Educação (PNE), que estava previsto para entrar em vigor em 2011, está finalmente a ponto de deixar de ser uma carta de boas intenções. No dia 7 de maio o plenário da Câmara dos Deputados deverá aprovar o texto final, que já sofreu alterações nas últimas reuniões da Comissão Especial, criada para discutir os objetivos a nível nacional das escolas públicas brasileiras.

http://brasil.elpais.com/brasil/2014/04/29/politica/1398724155_627574.html